SLIDE

30 junho 2015

Prosa Poética , por Rafael Toscano

Nascido na cidade de Niterói em 1987, Rafael L. Toscano graduou-se em Ciência da Computação pela Universidade Federal Fluminense e trabalha atuando na própria área. Começou a escrever contos e poemas quando adolescente e guardava-os em diversos arquivos em seu computador ou num pequeno caderno. Em 2012 criou a página com o seu nome no Facebook, onde começou a publicar textos mais curtos sobre temas diversos e a difundir a sua poesia. Mas foi em 2014 que passou a dedicar-se mais à sua maior paixão: a escrita. Leitor e escritor apaixonado, Rafael é autor e desenvolvedor do site OToscano.com. Escreve poesia, contos e romances. 

  
No ano de 2011, o poeta sueco Tomas Tranströmer foi agraciado com o Prêmio Nobel de Literatura. No inicio da cerimônia, o escritor Peter Englund, secretário permanente da Academia Sueca, fez a leitura de um texto introdutório em homenagem ao autor. Neste texto, Englund diz algo como: "A boa poesia é uma coisa poderosa. Ela pode mudar a imagem que temos do mundo, tornando-a mais clara, definida, mais compreensível. E eterna" 
Apaixonei-me por literatura no final da minha adolescência. Desde aquela época, sinto um enorme prazer em sentar-me por horas a fio à procura de novos poemas - novos pelo menos para mim - , como um garimpeiro à procura de valiosas pepitas. Os anos passam e a poesia continua sendo a minha melhor amiga. Não importa o quão ruim seja o meu dia: no final, sempre tenho a certeza de que a madrugada estará ali à minha espera, como um barco ancorado, prestes a me transportar por um oceano vasto, profundo e desconhecido. A poesia clareia meu caminho, expande meus horizontes e revela-me emoções antes perdidas no tecido temporal, revelando-me as mais variadas facetas da vida e da morte.  
Apesar de trabalhar e possuir uma formação no campo das ciências exatas,  
A boa poesia é poderosa. 
E pensando nesse poder transformador, escrevi este texto para que eu possa compartilhar um pouco da minha experiência no mundo da literatura. Não tenho a pretensão de passar-me por homem letrado ou professor. Minha intenção não é impor a minha visão sobre a visão de outros. Estou aqui tão somente para compartilhar da emoção e sentimento inerentes à arte, tanto para seus amantes antigos, quanto para aqueles que ainda não provaram desta fonte infindável. Falo sobre assuntos diversos, desde às tão temidas métricas, quebras de linha e estilos à textos e poetas brasileiros e internacionais. 
Sendo assim, convido-o a viajar lado a lado comigo para que juntos possamos expandir nossos horizontes e usufruir dos frutos da poesia com meus novos  livros A luz vermelha ( titulo provisório) e com o romance policial Enforcados que será lançado em breve ! Uma aventura eletrizante que vai deixar você ávido por mais e mais do livro!






COMENTE PELO BLOG!

1 comentário:

  1. Não o conhecia antes, apesar dele ser o meu "vizinho".
    Muito bom conhecer mais sobre o autor, e o que o levou a ser um escritor.

    ResponderEliminar

Páginação - Não altere este gadget!





© de tudo um pouco - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - DESENVOLVIDO POR Horion Agência Digital