profiss

09 dezembro 2014

Estou gritando por dentro "EU TE AMO", da série Cartas dos Grandes Amores




Como eu me senti feliz!
Como eu gostaria que o tempo parasse na primeira vez na qual nos entregamos ao nosso amor, naquele quarto pequeno, mas grande o suficiente para nos explodirmos num desejo incontrolável de nos amarmos intensamente.

Você tocou meu corpo, meu rosto, sentiu minha pele, beijou meus lábios e disse "eu te amo".
Fechei os olhos e fiquei sentindo seu corpo colado ao meu, vendo seu corpo quente derretendo a pedra de gelo que transbordava em meu ser.

Estou louca para que aquela tarde se repita, para que você me ame mais uma vez, como se fosse a primeira vez.
 Estou gritando por dentro "EU TE AMO" mas os gritos ficam contidos em meu ser, presos em minh'alma, explodindo em meu coração.
Ninguém os escuta além dos meus e dos seus ouvidos.
É tão bom amá-lo e ser amada por você, mas não quero continuar nesse jogo de amor proibido, quero poder ser sua por completo, sem receios, sem medos.

Quero amá-lo intensamente, eternamente, profundamente.
Não quero que me divida com ninguém e nem quero dividi-lo com alguém.
Quero que seja só meu. Quero ser só sua.

Autora: Silvânia Alves












2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...